Eventos Feministas

12 agosto 2010

A Feminilidade do Chanzú



 BELEZA made in CHINA


Ao longo dos séculos, as mulheres foram levadas a extremos para alcançar o padrão de beleza ditado pela cultura dominante. 


Veja um exemplo em desuso.








Chanzú

Do chinês “pés atados” o Chanzú foi uma prática comum na China durante cerca de 1000 anos.O comprimento ideal para o pé perfeito, chamado de "Lótus Dourada", era de 7,5 cm. Isto era muito raro de se conseguir, mas era uma meta muito almejada. Porque era visto como sinal de status social e elegância. Pés pequenos eram como um adicional quando se queria oferecer uma filha a um pretendente. Se o pé ultrapassasse 10 cm todo trabalho haveria sido em vão.

  O Processo


 Dos três aos seis anos qualquer chinesa tinha seus pés enfaixados.
O processo era complexo e deveria ser repetido a cada dois dias. 

 Os pés eram untados em uma mistura de ervas e sangue de animal a fim de prevenir qualquer necrose. As unhas eram aparadas para evitar infecção. Em seguida a menina tinha os pés massageados. Bandagens eram imersas na mesma mistura de sangue e ervas. Cada um dos dedos era então quebrado e enrolado firmemente na bandagem úmida. Com a secagem, estas se contraíam e puxavam os dedos na direção do calcanhar. 

A cada novo processo as bandagens eram presas mais fortes, tornando o ritual sempre doloroso.Mas você já sabe..."pra ficar bonita TEMOS que sofrer"...
Algumas vezes os ossos se quebravam e os dedos dobravam-se para debaixo do pé; ou então eles iam até o limite máximo e ficavam lá. Os muitos ossos do topo do pé ficariam quebrados e o peito do pé próximo do calcanhar. Era muito comum os dedos terem gangrena por falta de circulação e caírem, o que era considerado uma bênção, pois os pés ficavam ainda menores.
 
A garota nunca mais poderia ficar de pé ou brincar. Ficar de pé por um segundo era instável e doloroso, mas não significava nada comparado ao objetivo.
 

 Quando começou


Essa prática começou no século IX, quando uma concubina do príncipe chinês teve seus pés enfaixados, já que ele adorava seus pequenos pés. Outra mulheres imitaram o "look", que passou a ser considerado sensual. Em manuais sexuais chineses antigos, a distância entre o peito do pé e do calcanhar era o tema preferido.(os chinesinhos eram safadinhos, olha só ,que "bonitinhos"!) Enfaixar os pés era bem apropriado, pois as mulheres ficavam onde deveriam: guardadas, como propriedade. Não poderiam andar muito sem ajuda, a não ser que se arrastassem. Esperava-se que cuidassem dos afazeres domésticos e cuidassem das crianças.

Vida depois do Chanzú 

No século 17 surgiram as primeiras tentativas de abolir a prática, mas foi somente com a queda da Dinstia Qing e a proclamação da Nova República da China, em 1911, que a prática foi proibida por lei.

Hoje ela é praticamente extinta, mas muitas chinesas idosas ainda carregam suas marcas.E em algumas comunidades rurais isoladas, sabe-se que ainda acontece.


 Nós também temos nossos sacrifícios, atitudes que também vão parecer estranhas daqui a muitos anos. E as anoréxicas, bulímicas,e as meninas 'as vezes bem jovens , sem nenhum problema de saúde ,vomitando sangue, com o corpo arroxeado como se tivesse levado uma enorme surra, após se submeterem a cirurgias "estéticas"?


Para ficarem com o "look" do momento?

O chanzú foi apenas mais uma das regras impostas para que nós mulheres (tudo bem, as chinesas...) fossem MAIS femininas e belas.
Mas é isso aí...para sermos bonitas..." e de forma implítita, para nos casarmos",preparem-se: Sofrer É preciso.Desde sempre.


----------------------------------------------------
Como mulheres são bonitas!(maitena)

Abraço!


0 Leitor@s:

Ocorreu um erro neste gadget